4 ideias para começar sua loja virtual

12 de março de 2015
Criação de Sites

Em 2014 o mercado de loja virtual comprovou, mais uma vez, ser uma grata surpresa para os empreendedores da área, apresentando um crescimento de 24% em comparação a 2013, um faturamento de 35,8 bilhões de reais e mais de 50 milhões de consumidores únicos, de acordo com o relatório Webshoppers da empresa e-Bit.

E esses números só refletem as inúmeras possibilidades que a internet traz para quem deseja empreender sem correr grandes riscos. E para ganhar um espacinho nesse mundo de possibilidades não é preciso ser um expert em tecnologia, tampouco um empresário já com anos e anos de experiência. O que basta é ter vontade de ter seu próprio negócio e ir, com garra e determinação, em busca de seu objetivo.

Quer ser um empreendedor virtual, mas não sabe por onde começar, que área explorar e como fazer? Pois acompanhe agora mesmo nosso post e confira as ideias incríveis que selecionamos para você abrir sua loja virtual e começar a ser feliz com seu próprio negócio o mais rapidamente possível. Animado? Então vamos lá:

Planejamento prévio imprescindível

Antes de partir para a efetiva concretização de uma ideia, qualquer que ela seja, você precisa parar por um minuto e planejar seu negócio. Para início de conversa, identifique uma demanda de determinado público e pesquise mais a respeito. Será que tem mercado para esse produto? Você consegue atender à demanda dos clientes? Como será o abastecimento das mercadorias? Há fornecedores suficientes? E a logística, como se dará?

Pense em todos os detalhes e escolha fazer aquilo com que você mais se identifique, afinal, quanto mais afinidade você tiver com o produto e o nicho que escolher, maiores serão suas chances de sucesso. Contudo, se você ainda não sabe bem o que deve vender na sua loja virtual, nossas 4 dicas fantásticas vão dar uma mãozinha!

Escolha adequada do nicho a explorar

Cursos on-line
Nunca foi tão fácil aprender sobre qualquer assunto como hoje em dia. A internet encerra centenas de conteúdos extremamente interessantes e didáticos para que os mais diferentes perfis de pessoas possam melhorar seus conhecimentos. E você pode entrar nessa também.

Como as possibilidades são praticamente infinitas, basta você escolher um tema do seu domínio e preparar aquela aula especial. Algumas ideias: marchetaria, serralheria, enfeites natalinos, corte e costura, logística, gestão de pessoas e assim por diante. Repasse seus conhecimentos e aprenda enquanto ensina!

Lanches saudáveis
As pessoas têm se conscientizado cada vez mais de que é preciso investir na saúde, melhorando a alimentação e mantendo uma rotina de exercícios físicos regular. Contudo, com a correria do dia a dia, nem sempre dá tempo de preparar aquele lanchinho saudável para levar para o escritório.

E é aí mesmo que você pode entrar, oferecendo a entrega de lanches saudáveis que podem ser solicitados diretamente no seu e-commerce, super fácil e rápido. É só montar um cardápio equilibrado e divulgar! Valem pães integrais, sanduíches naturais, sucos, snacks energéticos e muito mais!

Produtos naturais
Na mesma linha dos lanches saudáveis, você pode vender pães integrais, biscoitos, sucos detox e toda uma imensa variedade de alimentos e produtos naturais por meio de um portal de e-commerce, desde que seja na sua região e a entrega seja facilitada, em virtude do prazo de validade dos alimentos.

Cervejas artesanais
Existem bons apreciadores de cervejas artesanais por aí, só esperando por você! Que tal então vender para eles por meio de uma loja virtual? O processo de produção é fácil e você ainda pode exercitar sua criatividade desenvolvendo novos sabores, incrementando alguns já existentes. Já imaginou se tornar um mestre cervejeiro de renome na internet?

Reveja o processo e repasse a checklist

Como dissemos no início da nossa conversa, as possibilidades são quase infinitas! Basta então identificar uma área que realmente o atraia, que tenha mercado para expansão e que ainda não seja muito explorada — para não ter que lutar contra a concorrência desde o princípio —, certificando-se também que o produto escolhido seja de fácil produção ou aquisição para que a entrega seja igualmente simplificada, trazendo o lucro sem maiores problemas e entraves.

Fonte: Blog Gerencianet

 

Deixe um comentário